Ufam é a primeira do Norte a abrigar centro de formação em Pesquisa Clínica da Universidade de Harvard

Aulas serão ministradas na unidade de Telessaúde da UfamAulas serão ministradas na unidade de Telessaúde da UfamProfissionais da área de Saúde agora têm a oportunidade de fazer especialização em Pesquisa Clínica por teleconferência com certificação internacional fornecida pela universidade americana.

Por Cristiane Souza
Equipe Ascom

Fruto de um convênio entre a Universidade Federal do Amazonas (Ufam) e a Universidade de Harvard, o Centro de Pesquisa Clínica instalado no Núcleo de Telessaúde é o primeiro da região Norte a oferecer esse curso de especialização a distância. As aulas da primeira turma iniciam nesta quinta-feira, 29, e a formação dura nove meses, encerrando em novembro de 2018.

“O curso já é ofertado em nível mundial em mais de 30 núcleos espalhados pelo mundo. No Brasil, já existem centros em São Paulo, Campinas, Salvador e Brasília. Este é o primeiro no Norte do País e ficamos muito contentes”, destaca o coordenador da unidade em Manaus, médico Robson Amorim, egresso dessa especialização em 2011 e aprovado no concurso para docente da área de Neurocirurgia na Faculdade de Medicina da Ufam.

Conforme explica o coordenador, a formação ofertada pela Escola de Saúde Pública da Universidade de Harvard torna o Programa de Pós-Graduação em Imunologia Básica e Aplicada da Ufam (PPGIBA) um Centro de Pesquisa Clínica do curso Principle and Practice of Clinical Research (PPCR). “Será um divisor de águas para a pesquisa no Amazonas”, avalia o professor Amorim, ao recordar que o prazo inicial do convênio é de três anos, mas a parceria poderá ser prorrogada conforme a demanda local.

Certificação internacional

O curso é direcionado a profissionais da área de Saúde  com interesse em Pesquisa Clínica em nível de pós-graduaçãoO curso é direcionado a profissionais da área de Saúde com interesse em Pesquisa Clínica em nível de pós-graduaçãoO curso de especialização é voltado aos profissionais da área de saúde que estejam cursando ou tenham interesse em cursar mestrado ou doutorado, orientadores de programas de pós-graduação e chefes de centros de pesquisa. Esta turma é formada por docentes da Ufam, dentre os quais o coordenador do PPGIBA, professor Antônio Luiz Boechat, docentes da Universidade do Estadual do Amazonas (UEA), e não docentes, somando nove participantes.

“A especialização já é oferecida desde 2007, e eu fiz a minha pela USP [Universidade de São Paulo], em 2011. Acredito que, para a próxima edição, esse número de participantes duplique”, afirma o professor Robson Amorim, referindo-se à demanda local. “Todos os profissionais da Saúde, interessados em adquirir formação de qualidade em pesquisa e fortalecer o ‘network’ com outros centros no Brasil e no mundo, podem participar”, reforça o coordenador do centro.

Os discentes desta primeira turma são: Marcus Vinicius Della Coletta, Marco Rodrigo Valdívia Sanz, Jeancarllo de Sousa Silva, Luciana Freire de Oliveira, Aline Ferreira Vieira, Pablo Vinícius Silveira Feitoza, Isabele Reis de A. Pereira, Luciano Nunes dos Santos e Antônio Luiz Boechat.

Metodologia

As aulas serão ministradas a partir desta quinta, 29 de março, sempre às quintas-feiras, das 17 às 20h, por teleconferência ao vivo, encerrando o calendário no mês de novembro de 2018. Ao final do curso, os participantes serão habilitados para delinear todo o projeto de pesquisa, desde a sua concepção e análise estatística até a publicação final em uma revista de impacto na área.

Para informações adicionais, acesse Ppcr.org.