Curso de Ciências Sociais conquista nota 4 na avaliação do MEC

 

Professores, técnicos e alunos do curso de Ciências Sociais da UfamProfessores, técnicos e alunos do curso de Ciências Sociais da Ufam

Por Márcia Grana
Equipe Ascom Ufam

O curso de Ciências Sociais da Universidade Federal do Amazonas (Ufam) obteve a nota 4 na Avaliação de Regulação realizada pelo Ministério da Educação (MEC). O curso de Ciências Sociais é reconhecido pelo MEC desde 1996 e a avaliação é um instrumento de renovação do reconhecimento do curso.

A avaliação foi realizada entre os dias 13 e 16 de junho de 2018 pelos examinadores Teresa Kazuko Teruya e Marcelo Alario Ennes (coordenador da comissão). Entre os aspectos considerados pelos avaliadores para a concessão do elevado conceito estão a contemplação, pelo novo Projeto Pedagógico do Curso (PPC), das demandas efetivas para uma sólida formação teórico metodológica nos eixos Antropologia, Ciência Política e Sociologia e a coerência dos objetivos do curso com a formação teórica no campo das Ciências Sociais, o que habilita para trabalhos interdisciplinares e profissionais.

Ciências Sociais - Tradição e excelência

O coordenador do curso de Ciências Sociais, professor Tiago da Silva Jacaúna, destacou o conjunto de esforços realizados tanto pela coordenação quanto pelo colegiado do curso para a obtenção do conceito. “As principais iniciativas feitas para obter boa avaliação foram a reforma do Projeto Pedagógico do Curso, finalizado neste ano, e o aumento na participação de discentes e docentes em projetos de iniciação científica e de extensão. Esse conceito 4 reflete a tradição da excelência do ensino, da pesquisa e da extensão realizados há 30 anos em nosso curso”, declarou o coordenador.

Equipe do Departamento de Apoio ao Ensino (DAE)Equipe do Departamento de Apoio ao Ensino (DAE)Sucesso na graduação

O pró-reitor de Ensino de Graduação da Ufam, professor David Lopes Neto, também destaca o Projeto “Sucesso na Graduação” como importante partícipe na obtenção do resultado de êxito. “O Projeto ‘Sucesso na Graduação’ é uma iniciativa da Pró-reitoria de Ensino de Graduação (Proeg) voltada a elevar os indicadores de qualidade dos cursos de graduação da Ufam. É um projeto que conta com um expressivo esforço coletivo institucional, tendo como pilares o Departamento de Apoio ao Ensino (DAE), a Procuradoria Institucional (PI), a Comissão Própria de Avaliação (CPA), a Comissão de Inclusão e Acessibilidade (EUAPOIO) e a Biblioteca Central (BC), todos trabalhando continuamente e em parceria com as coordenações e colegiados dos cursos para a obtenção de resultados de excelência”, afirmou o gestor.

Sinergia

Integrante do Projeto Sucesso na Graduação, o Departamento de Apoio ao Ensino (DAE) presta apoio didático e pedagógico às coordenações dos cursos de graduação sob avaliação, além de ser o responsável por acompanhar processos de criação, reconhecimento e renovação de reconhecimento dos cursos de ensino superior regulares, de educação a distância, licenciaturas indígenas, especiais e sequenciais. A gestora do DAE, servidora Raimunda Saboia, relata como ocorre, na prática, a sintonia do departamento com os demais setores integrantes do Projeto Sucesso na Graduação. “Nossa equipe, ao receber o comunicado do Procurador Institucional sobre a visita in loco aos cursos de graduação, convoca todos os integrantes e parceiros do Projeto Sucesso na Graduação para que possam contribuir com informações no âmbito de suas competências. A partir daí, atuamos na orientação dos coordenadores do curso avaliado quanto aos procedimentos para organizar as informações necessárias para que os examinadores realizem a avaliação”, explica a gestora.

Equipe da Procuradoria InstitucionalEquipe da Procuradoria InstitucionalPróximas avaliações

O procurador institucional Osmarino Souza anuncia os próximos cursos a serem avaliados. “Os próximos cursos a passarem por avaliação, no período entre 1º de agosto e 4 de outubro, são Química Industrial (Icet/Itacoatiara), Letras Libras (IFCHS), Biotecnologia (ISB/Coari) e Engenharia de Produção (Icet/Itacoatiara)”, divulga o procurador.

Sobre o curso de Ciências Sociais

O curso de Ciências Sociais da Ufam foi criado através da Resolução 012/87 do Conselho de Ensino e Pesquisa da Ufam e homologado pela Resolução 021/87 do Conselho Universitário da Ufam. Oferece 56 vagas no turno matutino e tem carga horária total de 2400 horas.