Corpos de dança do CAUA apresentam espetáculos de encerramento do semestre

 

Encerrando as atividades do 2º semestre de 2018, os Corpos de Dança do Centro de Artes da Ufam (CAUA) apresentam em dezembro três espetáculos: Lótus...Amor além do Tempo, no dia 03 de dezembro; Made in Brazil for Export , no dia 04; e, no dia 5 de dezembro, Natal Caboclo. Todos acontecem no Teatro do CAUA, localizado na Rua Monsenhor Coutinho Nº 724, esquina com Rua Tapajós, Centro, próximo ao Largo de São Sebastião, às 19h, com entrada franca.

Sobre as apresentações

No espetáculo Lótus...Amor além do Tempo, o Corpo de Dança conta a história de uma moça indiana que mora em uma comunidade rural, e vive um triângulo amoroso tendo que fazer uma difícil escolha. Com cenas de leveza campestre, o espetáculo enaltece a amizade, a família e a descoberta do amor.

Made in Brazil for Export é um espetáculo que propõe evidenciar a dança e a música brasileira como produto de exportação, a partir da MPB na voz de Alceu Valença, Luiz Gonzaga e Vitor Kley entre outros, com batidas eletrônicas propõe releituras em música e dança, contextualizadas na contemporaneidade.

Natal Caboclo faz referência ao período natalino utilizando a temática regional ribeirinha, com músicas e poesias de Celdo Braga e Eliberto Barroncas, na voz cristalina de Márcia Siqueira. O espetáculo conta a história de um menino do interior que vem morar com os tios e estudar na cidade e acaba se perdendo nas ruas da grande e implacável Manaus, evidenciando a invisibilidade e vulnerabilidade dos menores, dos abandonados e dos moradores de rua, numa dramaturgia pontuada por ícones do cristianismo, num convite a reflexão sobre generosidade, humildade, alteridade e empatia, presentes nos ensinamentos de Cristo.

Sutileza, poesia e emoções fazem parte de todos os espetáculos. Sob a direção artística do TAE, coreógrafo Sandro Michael Ferreira, esta temporada traz grandes talentos dos Corpos de Dança do CAUA tais como Safira Fragata Aranha, Déborah Vieira Alves, Glauber de Lima Estevam e os estagiárias da UEA em residência artística Lorena Pinheiro Farias, Zuziane Roberto Mar e Manoel da Silva Parnaíba Júnior