Seletor idioma

Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Ufam alcança o milésimo docente do quadro ativo permanente com o título de doutor

Publicado: Sexta, 08 de Novembro de 2019, 09h31 | Última atualização em Sexta, 08 de Novembro de 2019, 17h08 | Acessos: 1216

“Alcançar o número de mil professores doutores na Instituição é fruto de um intenso esforço institucional, que sempre contou com o importante apoio das agências de fomento Capes, CNPq e Fapeam”, afirmou o reitor, professor Sylvio Puga, ao comemorar que 61% dos 1.625 docentes do quadro ativo permanente da Ufam (sem contar os afastados para capacitação) possuem o título de doutor

Por Márcia Grana

Equipe Ascom Ufam

 A Universidade Federal do Amazonas (Ufam) comemora o registro do milésimo professor do quadro ativo permanente da Universidade a conquistar o título de doutorado. Segundo o Departamento de Planejamento Estratégico da Ufam, dos 1625 docentes da Instituição, sem contar os professores afastados para capacitação, a Universidade registra 1001 doutores, 476 mestres, 116 especialistas e 32 graduados.

Formação contínua

Entre os mil docentes com o título de doutor da Universidade está o professor José Gil Vicente, que leciona as disciplinas Didática Geral e Psicologia das Organizações e do Trabalho no Instituto de Ciências Exatas e Tecnologia de Itacoatiara (Icet). Com duas graduações, em Pedagogia e Psicologia; dois mestrados; dois doutorados e um pós-doutorado, ele ressalta a importância da formação contínua na contemporaneidade. “Atualmente, o cenário econômico mundial exige cada dia mais que sejamos especialistas qualificados e que estejamos preparados para o futuro. Manter-se atento e vigilante a essas transformações é não perder de vista a possibilidade de crescimento profissional e pessoal. Neste sentido, a educação contínua é o principal instrumento de aperfeiçoamento dessa prática, tendo em vista a necessidade de se atualizar sempre”, comentou o pesquisador.

Marca histórica

O reitor, professor Sylvio Puga, afirma que a marca histórica de 1000 docentes do quadro ativo com o título de doutor é resultado de intenso esforço institucional. “Alcançar o número de mil professores doutores na Instituição é fruto de um intenso esforço institucional iniciado desde a década de 1990, quando a Ufam possibilitou a qualificação de um grande número de docentes. Outra estratégia iniciada em meados dos anos 2000 foram os Mestrados e Doutorados Interinstitucionais, os quais permitiram que mais docentes conquistassem o título, com afastamento mínimo do Amazonas. Convém destacar também que, nos últimos anos, várias Unidades Acadêmicas definem os perfis para concurso público para docente, com o requisito mínimo de doutor. Esse somatório de estratégias, que contaram com o importante apoio das agências de fomento Capes, CNPq e Fapeam, o que  permitiu que chegássemos a tão importante conquista, que é de toda a comunidade acadêmica”, declarou o reitor.

Ufam fortalecida

A pró-reitora de Pesquisa e Pós-Graduação da Universidade, professora Selma Baçal, ressaltou a contribuição da Propesp para essa conquista da Universidade. “Nós ficamos muito felizes por termos atingido a marca de mil doutores na Ufam. A Propesp contribuiu, de forma decisiva, para essa formação de doutores na nossa Universidade, o que só fortalece a nossa graduação e a nossa pós-graduação. Continuamos trabalhando de forma firme para formar uma quantidade ainda maior de doutores e chegarmos aos 100% de nossos docentes com a titulação de doutor”, declarou a pró-reitora.

Conquista em sintonia com o PDI

O diretor de Planejamento Estratégico da Universidade, estatístico Herbett Rodrigues, afirma que essa conquista está em sintonia com as metas do Plano de Desenvolvimento Institucional da Universidade (PDI). “O nosso Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI 2016-2025) destaca que a qualificação docente consolida cada vez mais o desenvolvimento da Ufam. Dentre os parâmetros educacionais destaca-se o índice de Qualificação do Corpo Docente (IQCD) que, em 2009 era de 2,98 e atualmente as previsões que esse indicador alcance a marca de 3,88 nos dados referentes a 2019, podendo apresentar um acréscimo de aproximadamente 30,20% em relação ao valor existente dez anos antes”, declarou o gestor.

registrado em:
Fim do conteúdo da página