Seletor idioma

Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > Notícias Destaque > Iniciam, em Humaitá, as testagens de Covid-19 com o método ELISA
Início do conteúdo da página

Iniciam, em Humaitá, as testagens de Covid-19 com o método ELISA

Publicado: Sexta, 09 de Outubro de 2020, 19h31 | Última atualização em Sexta, 09 de Outubro de 2020, 19h36 | Acessos: 584

Até o mês de novembro a ação de testagem será realizada em todas as unidades acadêmicas da Ufam fora da sede

Por Márcia Grana

Equipe Ascom Ufam

Iniciativa do Comitê Interno de Enfrentamento ao Surto Epidemiológico de Coronavírus da Universidade Federal do Amazonas (Ufam), a testagem que usa o método ELISA para a detecção de anticorpos anti SARS-CoV-2 estará disponível até o mês de novembro em todos os municípios no interior do Estado nos quais a  Ufam mantém unidade acadêmica.

A testagem é voltada a todos os servidores e profissionais terceirizados da Universidade, lotados nos campi fora da sede.

Plano de Biossegurança – segunda fase

A primeira unidade acadêmica fora da capital a receber a ação foi o Instituto de Educação, Agricultura e Meio Ambiente (IEAA), no município de Humaitá. Segundo o presidente do Comitê de Combate ao Coronavírus na Ufam, infectologista e professor da Faculdade de Medicina Bernardino Albuquerque,  o oferecimento dos testes nas unidades acadêmicas fora da sede é o cumprimento da segunda etapa do Plano de Biossegurança da Universidade em combate à Covid-19. “A testagem nos campi fora da sede é a segunda etapa do nosso Plano de Biossegurança, considerando que entre os dias 19 de agosto e 11 de setembro foram realizados mais de 1700 testes entre os servidores ativos e terceirizados da capital, de 18 unidades acadêmicas, 15 órgãos suplementares e Reitoria”, declarou o gestor.

Cronograma

A coordenadora da ação e membro do Comitê Interno de Enfrentamento ao Surto Epidemiológico de Coronavírus da Ufam, professora Jaila Borges, destaca o cronograma das testagens nas unidades acadêmicas fora da sede. “Começamos em Humaitá e seguiremos para  o Instituto de Ciências Sociais, Educação e Zootecnia (ICSEZ), em Parintins, nas próximas semanas”.

registrado em:
Fim do conteúdo da página