Na Hungria, Ufam participa da 11ª Assembleia Geral do Grupo Coimbra de Universidades brasileiras

Evento ocorreu em setembro e foi simultâneo ao 10º Seminário Internacional do Grupo Coimbra

Participantes debateram sobre a intensificação da internacionalização das universidades mundiaisParticipantes debateram sobre a intensificação da internacionalização das universidades mundiais

Por Márcia Grana
Equipe Ascom Ufam

Representada pela pró-reitora de Planejamento e Desenvolvimento Institucional, professora Kleomara Gomes Cerquinho e pela assessora de Relações Internacionais, professora Leda Brasil, a Universidade Federal do Amazonas (Ufam) participou, entre os dias 24 e 27 de setembro, em Budapeste, na Hungria, da 11ª Assembleia Geral do Grupo Coimbra de Universidades Brasileiras (GCUB).

A Assembleia Geral aconteceu paralelamente ao 10º Seminário Internacional do Grupo Coimbra de Universidades Brasileiras.

Oportunidades

Segundo a pró-reitora de Planejamento e Desenvolvimento Institucional, professora Kleomara Cerquinho, a participação da Ufam no evento garantiu oportunidade de estreitar o relacionamento com universidades estrangeiras. “Tivemos a oportunidade de entrar em contato com representantes de universidades mexicanas, italianas, angolanas e indianas, além, é claro, de estreitar ainda mais o relacionamento com a Universidade do Porto, com a qual já temos um acordo de mobilidade acadêmica e pretendemos estender esse relacionamento com o oferecimento de estágios para os acadêmicos da Universidade do Porto”, declarou a pró-reitora.

Da esquerda para a direita, a assessora de Relações Internacionais da Ufam, professora Leda Brasil; o reitor da UFPI e presidente do GCUB, professor José Arimateia Lopes; a pró-reitora de Planejamento e Desenvolvimento Institucional  da Ufam, professora Kleomara Cerquinho e a presidente eleita do GCUB e reitora da UFMT, professora Myrian SerraDa esquerda para a direita, a assessora de Relações Internacionais da Ufam, professora Leda Brasil; o reitor da UFPI e presidente do GCUB, professor José Arimateia Lopes; a pró-reitora de Planejamento e Desenvolvimento Institucional da Ufam, professora Kleomara Cerquinho e a presidente eleita do GCUB e reitora da UFMT, professora Myrian SerraA assessora de Relações Internacionais, professora Leda Brasil, destacou que, além de ser uma excelente oportunidade de fazer contato com mais de trinta países, em um único lugar e, assim, estabelecer parcerias, os congressos do CGUB são reconhecidos pelo alto nível dos debates. “O objetivo do grupo é estender oportunidades de acordos de mobilidade e isso foi plenamente atingido.Todos os congressos e seminários realizados pelo GCUB são marcados pela competência científica de todos os seus expositores, debatedores e, principalmente, pela participação intensa de diversas Ifes nesse contexto”

Ela também ressaltou a eleição do novo corpo diretor do GCUB e a possibilidade de a Ufam sediar a edição da Assembleia do GCUB em 2019. “Um dos destaques da Assembleia em Budapeste foi a eleição da nova diretoria. A cada dois anos é eleita uma nova diretoria e esse ano foi eleita como presidente a reitora da Universidade Federal de Mato Grosso, professora Myrian Serra. O nosso reitor, professor Sylvio Puga, também integra essa nova diretoria, o que é um orgulho para todos nós. Vale ressaltar também que a Ufam propôs sediar o próximo evento em outubro de 2019 e que a nossa sugestão está em análise”, declarou a assessora.

Grupo Coimbra de Universidades Brasileiras

O Grupo Coimbra de Universidades Brasileiras (GCUB)  é uma associação civil, de caráter acadêmico, científico e cultural, composta por 83 instituições brasileiras de Educação Superior, que tem a missão de promover relações acadêmicas, científicas e culturais entre as instituições associadas e parceiros internacionais, por meio de programas, projetos e ações de cooperação internacional, bilaterais e multilaterais.