Protec realiza levantamento sobre a participação dos TAEs em projetos de pesquisa e inovação

A Pró-Reitoria de Inovação Tecnológica (Protec) realiza até o dia 13 de julho, um levantamento sobre a participação dos Técnicos Administrativos em Educação (TAE) da Ufam em projetos de pesquisa e inovação tecnológica. Essa iniciativa tem como objetivo identificar o perfil dos TAEs que atuam na capital e interior, bem como o potencial destes para a coordenação de projetos de pesquisa e inovação.

O Pró-Reitor de Inovação Tecnológica, professor Waltair Vieira Machado, aposta que esse processo de consulta é uma iniciativa de valorização dos servidores em todos os níveis. Segundo ele,"a Universidade só pode desempenhar corretamente a sua  missão  se o pessoal for qualificado. Durante os meus 40 anos de Universidade eu sempre busquei formas de incentivar os técnicos que  nos assistiam nos laboratórios e que nos auxiliavam, para que avançassem na carreira. Essa oportunidade potencializará a formação de mais pesquisadores do nosso quadro, de modo que os TAEs possam tornar-se profissionais zelosos, competentes e produtivos cientificamente".

Segundo o representante dos TAEs no Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (Consepe), Samuel Vinente, inúmeras instituições (UFRGS, IFRS, UFG, UFCA, UFLA) regulamentam a coordenação de projetos de pesquisa e inovação tecnológica por TAEs. "Na UFAM, a Resolução Consepe nº 027/2008 necessita de ajustes, considerando que o nível de formação da categoria avançou nos últimos dez anos. Hoje o nosso quadro é constituído por muitos especialistas, mestres e doutores, que por conta das limitações legais, apenas usufruem dos incentivos financeiros. Acreditamos que além das atividades administrativas e burocráticas, podemos contribuir com a produção científica em todas as áreas. Esses dados subsidiarão nossas pautas junto ao Consepe", frisou.

O formulário pode ser acessado por meio do link:  https://goo.gl/forms/ipdHz4th9PmoNmAY2