Comissão de Acompanhamento do PACPG/UFAM visita dois Programas de Pós-graduação

Programa de Apoio à Consolidação e ao Avanço da Qualidade da Pós-graduação da UFAM (PACPG) teve início com a constituição da primeira Comissão de Acompanhamento do Programa (CAP).

A comissão é composta por membros externos e internos. Representam os membros externos, o professor doutor Mário Lira Júnior, da UFRPE, e a professora doutora Ana Lúcia Patriota Feliciano. Os membros internos são representados pelo professor doutor Carlos Edwards e pelo professor doutor Antônio José Inhamuns da Silva, ambos do Programa de Pós-graduação de Ciências Pesqueiras nos Trópicos.

A execução do PACPG foi iniciada com a visita da CAP aos Programas de Pós-graduação em Agronomia Tropical (19/12) e em Ciências Florestais e Ambientais (20/12). A coordenadora do Programa de Pós-graduação em Agronomia Tropical, professora Dra. Jânia Lilia da Silva Bentes, considera que este é o momento oportuno para a aplicação do PACPG da UFAM. “É o momento certo por ser um período em que se encerra um triênio de avaliação da Capes e se inicia outro”.

O Coordenador do Programa de Pós-graduação em Ciências Florestais e Ambientais, professor Julio César Rodríguez Tello, compartilha da opinião da colega. “A partir desse programa, os cursos vão poder evoluir nos conceitos dados pela Capes. Precisamos desse monitoramento e estamos todos esperançosos para que tudo o que foi discutido seja implementado pela UFAM. Tenho certeza de que, em 2015, nosso curso vai elevar o conceito junto à Capes” declarou.

Durante as visitas da Comissão de Acompanhamento do PACPG, foi realizado um diagnóstico preliminar dos referidos programas de pós-graduação. Participaram das reuniões docentes e discentes dos referidos programas. “Consideramos importante dar início às atividades do PACPG da UFAM e estamos nos organizando para concluirmos as visitas aos programas de pós-graduação no início de 2013. Com os relatórios, podemos estabelecer as metas em busca da melhoria dos conceitos Capes”, comentou a Pró-reitora de Pesquisa e Pós-graduação, professora Selma Baçal.

O consultor do PACPG/UFAM, professor doutor Emídio Cantídio, avaliou as reuniões como muito produtivas.  “Houve uma boa participação dos docentes, o que tornou o debate interessante. Discutimos metas para os programas de pós-graduação e algumas pessoas já começaram a idealizar o que vão fazer. Estou convicto de que vamos ter sucesso nesta jornada, pois este programa é fruto da preocupação da reitoria com a qualidade dos cursos de pós-gradução da instituição”, afirmou.