Flet cumpre solenidade de outorga de grau de 52 graduandos

Dos 52 formandos, dois deles são do curso de Língua InglesaDos 52 formandos, dois deles são do curso de Língua Inglesa

Cinquenta e dois formandos dos cursos de Letras - Língua Inglesa e Letras - Língua Portuguesa receberam, na noite da última sexta-feira, 11, no auditório Eulálio Chaves, no setor Sul da Campus Universitário, a outorga de grau, que lhes confere uma licenciatura. 
 
A cerimônia foi a primeira presidida pelo vice-reitor da Universidade, professor Jacob Cohen e também a primeira dos novos membros da direção da Faculdade de Letras (Flet), empossados em julho passado, pelo reitor, professor Sylvio Puga. 
 
À mesa da solenidade estavam, além do vice-reitor, o diretor da Flet, professor Wagner Barros Teixeira, a paraninfa dos cursos, professora Nícia Petreceli Zucolo e a patronese dos cursos, professora Grace dos Anjos Freire Brandeira. Do total de 52 graduandos, dois eram do curso de Letras - Língua Inglesa. 
 
As turmas escolheram dois professores para homenagear, Orlando da Silva Azevedo e o professor Gabriel Arcanjo Santos de Albuquerque. "Como forma de retribuir o trabalho que realizamos desde 2013, com muita dedicação, os alunos me escolheram para fazer parte desse momento tão importante para eles. Admiro que fiquei surpreso, mas muito honrado e feliz", disse. 
 

Vice-reitor, professor Jacob Cohen, preside a primeira solenidade como gestor da UfamVice-reitor, professor Jacob Cohen, preside a primeira solenidade como gestor da Ufam

O aluno Jean Douglas Souza Santos, escolhido para ser o orador das turmas, afirmou que concluir o curso de graduação é um objetivo alcançado por quem se dedicou e muitas vezes, superou os próprios limites para estudar e ao mesmo tempo, trabalhar. 
 
"Essa foi a realidade de muitos de nós, mas conseguimos chegar até aqui e agora, podemos partilhar da conclusão dessa etapa com todos aqueles que são importantes para nós, pois nos apoiaram e nos ajudaram no que foi possível", lembrou.  
 
Em seu discurso, o vice-reitor deu os parabéns aos formandos e às suas famílias e disse que, aos 69 anos de idade, assumiu um grande compromisso consigo mesmo, com a Universidade e com o reitor, professor Sylvio Puga, de que trabalharia arduamente em prol da Instituição.

Professor Orlando (à esquerda), homenageado pela turmaProfessor Orlando (à esquerda), homenageado pela turma

 
"Foi a a primeira vez que estive presidindo a mesa e me senti muito honrado. Foi uma oportunidade em que percebi o quanto que o atual momento de crise no País está influenciando a todos, sejam as pessoas de dentro ou de fora da universidade. É preciso levar esperança às pessoas e não deixá-las cair no desânimo por não ter certeza do que vão encontrar depois de formadso. Nós precisamos, no papel de professores, mestres, gestores conclamar nossa comunidade para se encher de esperança. Precisamos de mais pessoas formadas e a Universidade está cumprindo o seu papel. Tenham certeza que estamos trabalhando muito, para deixar para a Universidade, um verdadeiro legado", afirmou. 
 
Novas instalações 
 
A Faculdade é uma entre as quatro que passou por reestruturação e é uma das que ainda não contam com um espaço próprio. Por orientação do reitor, um projeto arquitetônico das novas instalações será elaborado pela Prefeitura do Campus e, após isso, os recursos serão buscados por meio de emendas parlamentares e fundos de financiamento nacionais e internacionais.